às vezes era bom


Não preciso que me dêem pancadinhas nas costas por tudo e por nada, mas bem, às vezes até era bom sentir que se orgulham de mim e me apoiam. O que acontece na maior parte das vezes - e que sempre foi assim, o já não me deveria espantar - é dizer "consegui isto", "tive esta nota" ou "quero ir a este lugar", e a reacção ser "ah bom, é a tua obrigação" ou "vais com o teu dinheiro". Obrigado, eu sei que sim, mas podiam ficar felizes por mim. Com o passar dos anos deixei de dizer o que quer que seja sobre o que consigo ou não consigo, pois a reacção nunca é aquela que espero: se corre bem, good for you, se corre mal, nem uma palavra de consolo ou motivação. Pelo contrário.

Há quem me diga que isso faz de mim uma pessoa mais forte porque parecendo que não, é sempre um murro no estômago. Só concordo com a última parte. E por não gostar da sensação, tento não fazer o mesmo a outra pessoa, embora por vezes caia no mesmo erro de desvalorizar aquilo que as pessoas que me rodeiam conquistam. Pode não ser grande um grande feito para mim, mas não vou deixar de dizer uma palavra de incentivo só porque a meu ver poderia ser melhor. Da mesma maneira não vou bater palminhas por todos os feitos que se fazem. Apoio sim, na medida certa. Nenhum apoio de todo é que não.

2 comentários:

  1. É sempre bom recebermos incentivos e motivação para prosseguirmos. :)

    ResponderEliminar